Skatistas se Unem Para Recuperar Pista Pública em São Paulo

Skatistas criam projeto de financiamento coletivo para tentar recuperar a Pista da Sumaré, em São Paulo.

0
344

Quem passa de carro pelo cruzamento da Avenida Doutor Arnaldo com a Rua Cardoso de Almeida, em São Paulo, pode nem saber da existência da Parque Zilda Natel, também conhecida como Pista de Skate do Sumaré, ou Sumaca, para os mais íntimos. Com mais de 2.300 m², um bowl, uma mini-ramp e uma área de street, a pista é frequentada por skatistas fiéis ao espaço.

Infelizmente a prefeitura de São Paulo não tem esse mesmo carinho pela Pista da Sumaré. Desde o final do ano passado, o espaço está sem manutenção. Além dos inúmeros buracos nas pistas e o lixo espalhado pela praça, não existem mais funcionários para garantir a segurança do parque.

Cansados de esperar pelo poder público, a galera que frequenta o lugar resolveu que a única forma de preservar a pista seria colocando a mão na massa, literalmente. Com materiais comprados com dinheiro do próprio bolso, buracos foram tapados, novos obstáculos foram adicionados e boa parte do lixo foi retirado. Um projeto de financiamento coletivo, organizado pelos próprios frequentadores da pista, está coletando fundos para a reforma da pista. Clique aqui para fazer uma doação e apoiar o projeto de recuperação da Pista da Sumaré.

COMPARTILHE